Header Ads

[Review] Real Racing 3

Real Racing 3 foi apresentado durante a Keynote do iPhone 5 pela Firemonkeys e impressionou a todos pelos seus gráficos realistas contando inclusive com sombras dinâmicas e reflexos nas latarias dos carros. O jogo será lançado somente no dia 28 de fevereiro na App Store do Brasil, mas já conseguimos testar o jogo com antecedência e você confere agora as nossas impressões.


O jogo em si permanece bastante familiar com os dois títulos anteriores em relação a jogabilidade, com diversas opções de controle, auxílio no uso dos freios e modos de câmera também. No entanto a desenvolvedora resolveu dar uma pouco mais de realismo ao jogo. Você deverá ficar atento quanto ao nível de olho do motor, freios, suspensão, sendo necessário fazer uma revisão de tempos em tempos.


Bater o carro não danifica somente a aparência, mas também o seu desempenho durante as corridas pois cada dano reduz significativamente a velocidade máxima do seu automóvel. Cada dano do carro exibe o valor em km/h perdido. Portanto reparar o seu veículo será uma obrigatoriedade, e com isso a importância de dirigir com mais cautela e evitar colisões desnecessárias.


Além de adquirir novos carros para competir em novos torneios, será necessário também realizar pequenas atualizações no motor, transmissão, freio e pneus do carro a fim de aumentar sua velocidade máxima, aceleração, estabilidade e maior precisão ao frear. 

No entanto essas revisões, reparos e atualizações não custam apenas dinheiro, mas também requerem um tempo para serem concluídas, o que obriga o usuário a esperar desde 1 minuto até mais dependendo da quantidade de tarefas que precisam ser completadas, o que acaba prejudicando o ritmo do jogo. Porém você conta com uma pequena quantia de moedas de ouro que servem para acabam com essas esperas, porém devido a sua escassez devem ser utilizadas com cautela.


Mesmo o jogo sendo completamente grátis, há diversas opções de compras internas, como dinheiro virtual para adquirir novos carros ou realizar os reparos, atualizações e revisões, ou adquirir as moedas de ouro para acelerar o tempo de espera dos reparos e atualizações.

Em momento algum você se verá obrigado a realizar compras pois o dinheiro virtual é ganho ao vencer as corridas enquanto para receber as moedas de ouro você deve subir de nível ou completar determinados torneios.

Outra novidade do jogo é o modo Time Shifted Multiplayer, que permite que você corra contra outros adversários mas sem a obrigatoriedade de estarem conectados ao mesmo tempo. Com isso ao correr você verá o carro do seu oponente percorrer a pista como se fosse uma versão fantasma, mas que fará todos os movimentos executados pelo jogador.


Os gráficos também são um dos destaques do jogo, impressionando pela beleza dos carros e das pistas, com ótimos efeitos de iluminação, sombra e reflexos na lataria do carro em tempo real. Outro ponto que contribui para o realismo do jogo são o uso de pistas reais, como Mazda Raceway Laguna Seca, Circuit de Spa-Francorchamps, Silverstone, Hockenheimring, trazendo inclusive curvas e elevações características de cada uma.


Real Racing 3 é um bom jogo de corrida, no entanto a implementação da espera em tempo para completar determinadas tarefas é algo extremamente ruim pois tira a diversão do jogo obrigando o usuário esperar para que possa dar continuidade ao jogo. Jogos móveis são famosos por poderem ser jogados em qualquer lugar e qualquer hora, e ter que esperar por isso vai afastar muitos jogadores, principalmente os menos pacientes.

Teria sido melhor que o jogo fosse vendido por um preço fixo e que a desenvolvedora não utilize métodos, mesmo que indiretamente, para fazer com o que jogador gaste com compras internas. Quem sabe a EA não volta atrás e tira essa limitação em alguma atualização? Enquanto isso, Real Racing 2 e Asphalt 7 acabam sendo opções melhores que essa.



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.